Menu Paginas

Email:joilson.sonyeli@gmail.com

Email:joilson.sonyeli@gmail.com

Email:joilson.sonyeli@gmail.com

Email:joilson.sonyeli@gmail.com

Email:joilson.sonyeli@gmail.com

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

RAPAZ PUBLICA RECLAMÇÃO GESTÃO DO PREFEITO SOBRE HOSPITAL PUBLICO


As Palavras Que Estão Desfocada Tem Palavriado Esplicito Ou Fala De Outro Candidato A Prefeito De Santa Quitéria

quarta-feira, 22 de junho de 2016

AUTO BIOGRAFIA DO CORDELISTA DE SANTA QUITÉRIA LUIZ ADEMAR

Nascido em 6 de março de 1974, no Distrito de Trapiá – Santa Quitéria- CE, filho de José Ribamar Muniz e Antônia Parente Lopes Muniz, é o caçula de 5 filhos.
Autodidata, desde pequeno mostrou aptidão para a leitura e a escrita, quando “sem mais nem menos” começou a ler e escrever sem ao menos ter ido à escola.
Sempre estudou em escolas públicas ou da comunidade, terminando seu ensino fundamental em 1989 e o médio em 1992, ingressou na faculdade em 1995 e terminou o nível superior em 1999. Iniciou a carreira do magistério no ano 2000, onde permanece até os dias atuais. 
Descobriu” o cordel em 2006 através do poeta Jessier Quirino e começou a escrever seus primeiros versos de cordel em 2010 com o  folheto intitulado “Apelidos que viraram nome” no Trapiá – Pau Verde. E de lá para cá não parou mais. Escreveu outros doze livretos e um sem número de versos não publicados.
Atualmente trabalha em três projetos na área da literatura, um é de “cordelização” de músicas intitulado “Música pra matuto entender”; o segundo é o projeto “O cordel no papel de resgate da cultura e de incentivo à leitura”e o terceiro é um grupo formado por crianças, adolescentes e jovens que forma o grupo “Em cantos do cordel”.
Fã incondicional da “molecagem” cearense, é um poeta composto de material “descontrativo” e movido pela propulsão do bom humor e de tudo que traz felicidade ou mantém a mesma junto a nós. 
Trabalha na Secretaria de Cultura do Município, na EEM Júlia Catunda e no Colégio Paulo Freire como professor, é formado em História e tem dois filhos Ernesto e Ana Luíza.
Admirador das palavras bem ditas, sejam elas eruditas ou matutas, vê na poesia uma maneira de canalizar e engrandecer sua formação como cidadão, ser humano, profissional, pai e amigo.

AGRADECIMENTOS AO LUIZ ADEMAR O HOMEM QUE DEMOSTRA POR LINHA NOSSA CULTURA

sexta-feira, 17 de junho de 2016

MOTO E TOMADA DE ASSALTO EM SANTA QUITÉRIA

Mais uma moto foi tomada de assalto, na tarde desta terça (14), por volta das 14h30, na localidade de Riacho do Preá, que liga a cidade de Santa Quitéria ao distrito de Riacho das Pedras.
A vítima foi identificada como Antônio Diego Lima Cordeiro e segundo o mesmo, foi abordado por 02 elementos armados, que anunciaram o assalto, subtraindo a sua moto JTA Suzuki EN 125 Yes, de cor preta e placa NUW-6689.
Após a ação, a dupla fugiu tomando rumo ignorado e a Polícia passou a fazer diligências. Ao passarem pela Fazenda Jurujuba, os policiais viram dois elementos em uma motocicleta com as características repassadas pela vítima e ao avistarem a viatura, os indivíduos abandonaram a moto na estrada e se embrenharam no matagal.
Durante a fuga, um dos meliantes efetuou três disparos contra a composição policial, a qual também revidou. Ao entrarem no matagal, os policiais encontraram duas peças de roupas e um revólver calibre 38, de cano longo e cabo de madeira, contendo 05 projéteis, sendo 03 deflagrados e 02 intactos.
Todo o material foi levado para a Delegacia de Polícia Civil, para serem apresentados à autoridade policial.

quarta-feira, 8 de junho de 2016

BANCO CENTRAL MANTÉM TAXA BÁSICA DE JUROS EM 14,25% AO ANO

08/06/2016 - O Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco Central anunciou há pouco a manutenção da taxa básica de juros (Selic) em 14,25% ao ano, conforme amplamente esperado pelo mercado.

A decisão foi unânime. Todos os 41 economistas e instituições consultados pela agência internacional Bloomberg previram a Selic estável nesta reunião. É a sétima vez consecutiva em que o Copom decide que a taxa deve permanecer inalterada.

A reunião ainda contou com o atual presidente do BC, Alexandre Tombini. O economista Ilan Goldfajn, indicado para o posto, foi aprovado somente nesta terça-feira (7) pelo Senado, o que o impediu de participar deste encontro.

Sinais de aceleração da inflação tornam improvável uma redução da Selic no curto prazo. O IPCA, índice oficial do país, foi de 0,78% em maio, acima da taxa registrada em abril (0,61%), segundo o IBGE. Foi o índice mais alto para o mês desde 2008, quando havia subido 0,79%. Em maio do ano passado, o índice havia sido de 0,74%.

O último boletim Focus, do Banco Central, voltou a indicar que a inflação continuará pressionada neste ano. As estimativas de economistas ouvidos pelo BC é de que o IPCA encerre 2016 a 7,12%, contra estimativa de 7,06% na semana passada. Há quatro semanas, a previsão era de 7%.

A expectativa dos mesmos economistas é de que a Selic fique em 12,88% em 2016, mesma previsão da pesquisa Focus anterior.

CEARÁ LIDERA RANKING NACIONAL DA TRANSPARÊNCIA; SANTA QUITÉRIA É 86º

08/06/2016 - O Ceará obteve nota máxima no ranking da transparência divulgado, nesta quarta-feira (8), pelo Ministério Público Federal (MPF). O estado, que lidera a lista juntamente com o Espírito Santo e Roraima, passou de 8,2 no levantamento de 2015 para 10 em 2016, o que representa um aumento de 21,95% em seis meses. Já Fortaleza é a 10ª capital brasileira mais transparente.
No geral, o nível de transparência dos estados e municípios aumentou 31%, passando de 3,92 no passado para 5,15 em 2016. Os dados para montagem do ranking, organizado pela Câmara de Combate à Corrupção do MPF, foram levantados entre os dias 11 de abril e 25 de maio de 2016 nos portais da transparência dos 5.568 municípios e dos 26 estados brasileiros mais o Distrito Federal. 
Em 2015, Santa Quitéria teve nota 5,7 e, este ano, aumentou 0,7, chegando a 6,40, sendo o 86º município mais transparente do Ceará. Lideram a lista estadual as cidades de Aratuba, Caririaçu e São João do Jaguaribe, com a nota máxima. Seguidos por Beberibe, Brejo Santo, Graça e Iporanga. Entre os menos transparentes estão Mulungu, Itapiúna, Assaré e Abaiara com nota zero.

Região
Santa Quitéria - 6,40 (86ª posição)
Hidrolândia - 4,40 (137ª posição)
Catunda - 3,10 (175ª posição)

APÓS DEPOIMENTO, MC BIEL ALEGA NÃO TER VISTO MOTOCICLISTA EM ACIDENTE


08/06/2016 - MC Biel prestou depoimento à polícia sobre o acidente em que se envolveu na noite desta terça-feira (7) em Lorena (SP).  Ele alegou não ter visto a vítima cair da moto e, por isso, não prestou socorro. Em entrevista mais cedo, o pai do cantor havia negado que o filho dirigia o veículo.


O depoimento nesta quarta-feira (8) começou por volta de 12h e durou cerca de uma hora. O artista chegou na delegacia em um carro sedã com os vidros escuros. O local foi fechado para a imprensa e depois de ser ouvido, MC Biel deixou o prédio por uma porta lateral, sem dar entrevista.

O acidente foi por volta das 22h40 na praça Rosendo Pereira Leite, no centro de Lorena, cidade onde o cantor mora. A vítima, Elisa de Araújo, disse à polícia que seguia pela via quando foi surpreendida pelo carro do cantor que estava estacionado e arrancou bruscamente, fazendo-a perder o equilíbrio ao tentar desviar. Ela caiu e machucou as mãos e o joelho.

> MC Biel se envolve em acidente de carro e vítima o acusa de omissão de socorro

Segundo o delegado Hernani Braga, ao contrário do que o pai havia afirmado ao G1 mais cedo, MC Biel admitiu conduzir o veículo. Após a investigação, se for comprovada responsabilidade do cantor no acidente, ele pode responder por lesão corporal culposa, porque a manobra imprudente causou um acidente, além de omissão de socorro por ter abandonado o local.

Contradição

Ao ser questionado, o pai do cantor, Sérgio Rodrigues, informou na manhã desta quarta-feira (8) que quem dirigia o veículo era um assessor do MC e que ele seguia no carona. Nesta tarde, o pai dele voltou a falar sobre o assunto e disse que embora o filho estivesse na direção não vai pagar o prejuízo da motociclista. "Meu filho não teve culpa, não tem porquê pagar", disse ao G1.

A moto, recém comprada pela vítima, teve avarias na parte frontal.

15 MUNCÍPIOS DESCUMPREM META


08/06/2016 - A campanha de vacinação contra a Influenza no Ceará se encerrou no dia 27 de maio, com o Estado chegando ao total de 88,12% do público-alvo imunizado, de acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesa). Dos 184 municípios, 15 ainda não atingiram a meta do Ministério da Saúde, de vacinar 80%. A Pasta, contudo, não divulgou os nomes das cidades. Em todo Estado, 10 óbitos e 36 casos da doença foram registrados até segunda-feira (6).


Embora tenha atingido a meta geral, Fortaleza continua a campanha para as gestantes e crianças até sexta-feira (10). Esses grupos não atingiram a meta na Capital. No Ceará, foram imunizadas 1.565.454 pessoas. "A campanha deste ano foi atípica e as pessoas que se encontrava no público-alvo procuram os postos para se vacinarem", diz a coordenadora de imunizações da Sesa, Ana Vilma Braga.

Crianças

O público-alvo para a vacinação é composto por crianças de seis meses a menores de cinco anos, pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres que passaram por parto até 45 dias), população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis.

A Secretaria avalia como positivos os número atingindo pelo Estado. "A cobertura de vacinação do Ceará foi boa: dos 184 municípios, só 15 não atingiram ainda a meta, mas já estão com mais de 73% da pessoas vacinadas", relata Ana Vilma. Ainda de acordo com a coordenadora, os municípios que já atingiram meta estabelecida, não terão reposição da vacina.

A transmissão dos vírus influenza ocorre por meio do contato com as secreções das vias respiratórias que são eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Pode ocorrer por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com as mucosas, da boca, olhos ou nariz. Cuidados simples como lavar as mãos, cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar, evitar tocar o rosto e não compartilhar objetos de uso pessoal são formas de prevenção

Hoje, haverá vacinação na praça central Shopping Iguatemi, das 13 às 17 horas.

JAPONÊS DA FEDERAL É PRESO EM CURITIBA


08/06/2016 - O agente da Polícia Federal Newton Ishii, mais conhecido por 'Japonês da Federal', famoso por participar das prisões relacionadas à Operação Lava Jato, foi preso na terça-feira (7) em Curitiba. O mandado de prisão foi expedido pela Vara de Execução Penal da Justiça Federal de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. As informações são do portal G1. 


Até as 10h desta quarta, a Polícia Federal ainda não havia informado o motivo da prisão. Ele está detido na Superintendência da PF na capital paranaense. 

Réu na Operação Sucuri

Newton é réu em uma ação que surgiu a partir da Operação Sucuri, que investiga agentes que facilitavam a entrada de produtos contrabandeados no país pela fronteira com o Paraguai, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná. O caso tramita sob segredo de Justiça. Ishii responde a três processos: um na esfera criminal, outro administrativo e um terceiro por improbidade administrativa.

Em março, recurso impetrado por três réus da Sucuri, deflagrada em 2003 contra 19 policiais federais, além de agentes da Receita Federal e da Polícia Rodoviária Federal, foi negado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Agente foi citado na Lava Jato

Newton Ishii também foi citado em áudio que levou à prisão do ex-senador Delcídio Amaral, em Brasília. O nome do agente aparece durante conversa sobre quem estaria vazando informações para revistas. No áudio, Delcídio chega a chamar um policial, que seria ele, de "japonês bonzinho", o qual seria o responsável pela carceragem da PF em Curitiba, onde ficam presos os capturados pela Lava Jato.

Na ocasião, a PF disse que apuraria se o nome citado na gravação era mesmo o do agente

quarta-feira, 1 de junho de 2016

BASE DE TEMER DEVE APROVAR MEGA-REAJUSTE COM IMPACTO DE R$ 58 BI

01/06/2016 - Apesar da expectativa de fechar 2016 com um rombo de R$ 170 bilhões nas contas públicas, o governo interino de Michel Temer (PMDB) e sua base na Câmara dos Deputados preparam a aprovação de um mega-pacote de reajuste para o funcionalismo federal -Executivo, Judiciário e Legislativo, além do Ministério Público. O impacto será de ao menos R$ 58 bilhões até 2019.

Represados na gestão de Dilma Rousseff, os 13 projetos de lei que estabelecem reajuste e benefícios ao funcionalismo podem ser votados pelo plenário da Câmara dos Deputados ainda na noite desta quarta-feira (1º), ou na madrugada de quinta (2).

Várias categorias são contempladas: Câmara, Senado, Advocacia-Geral da União, Defensoria Pública, agências reguladoras, diversos ministérios, Supremo Tribunal Federal e Justiça Federal e Forças Armadas, entre outros.

Apesar do cenário de profundo desequilíbrio orçamentário e da promessa de Temer e de Henrique Meirelles (Fazenda) de tentar aprovar medidas para deter o crescimento das despesas, como a criação de um teto para a elevação dos gastos públicos, o pacote da Câmara recebeu aval público do Planejamento nesta quarta.

Em nota, o ministério afirmou que os projetos "são resultado de negociações que duraram aproximadamente oito meses e terminaram na assinatura de 32 termos de acordo com as lideranças sindicais", e que para todos eles "já haviam sido assegurados, na Lei Orçamentária Anual de 2016, os recursos necessários".

O Planejamento diz que o impacto para 2016 é de R$ 4,2 bilhões, o que não inclui projetos do Legislativo e Judiciário. Para esses, diz o Planejamento, também já há recursos previstos no Orçamento de 2016.

A base de Temer, formada principalmente por PMDB, PSDB, DEM e pelo chamado "centrão" (PP, PR, PTB, PSD, PRB e outras siglas nanicas), tem ampla maioria para aprovar os projetos. A tramitação dos textos em regime de urgência foi aprovada na noite de terça (31).

Agrado

O gabinete do líder do governo na Câmara, André Moura (PSC-SE), passou esta quarta lotado de lobistas de diversas categorias negociando os acertos finais para cada projeto.

Nos bastidores, o argumento é o de que o fortalecimento político de Temer com o funcionalismo, principalmente com suas cúpulas, compensa o desfalque bilionário nos cofres públicos.

"Isso para a maioria dos servidores não é nem a reposição da inflação. Esse pequeno reajuste já está no Orçamento da União, aprovado em dezembro", discursou o deputado Manato (SD-ES), reproduzindo fala comum aos defensores da proposta.

A oposição, capitaneada pelo PT, também tende a aprovar as medidas, devido à ligação do partido com o funcionalismo. O PT quer, inclusive, ampliar o rol de beneficiados.

Uma das poucas vozes contrárias aos projetos foi a do deputado Nelson Marchezan Junior (PSDB-RS), que é da base de Temer, mas que seguidas vezes tem apontado o contraste entre a aprovação das medidas e o discurso feito pelo governo da necessidade de austeridade neste momento de crise.

Apesar de o pacote estar sendo discutido em bloco, há possibilidade de alguns deles serem represados ou aprovados de forma parcial, a depender das negociações caso a caso. Os projetos têm que ser analisados ainda pelo Senado.

Teto

Entre os projetos que podem ser votados pela Câmara está o da elevação do salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal, que é o teto do funcionalismo, de R$ 33.763 para R$ 39.293, com efeito cascata em todo o Judiciário federal. O impacto é de R$ 6,9 bilhões até 2019.

Há projetos para elevar também o salário do chefe do Ministério Público Federal, também com efeito cascata na categoria. Para o funcionalismo da Câmara e do Senado, o reajuste é de mais de 20% em quatro anos, mas os projetos não trazem cálculo de impacto.

Alguns projetos que tratam de reajuste dos servidores do Executivo tem impacto de cerca de R$ 20 bilhões até 2019. O projeto específico para a categoria do magistério federal, há elevação de gastos públicos em R$ 14,9 bilhões até 2019. Nas agências reguladoras, o custo extra é de R$ 913 milhões.

O projeto de lei de reajuste do soldo das Forças Armadas beneficia um total de 740 mil militares ativos e inativos, pensionistas e anistiados políticos. O impacto é de R$ 14 bilhões até 2019

7 RESPOSTAS SOBRE O ESTUPRO COLETIVO NO RIO

Mulheres protestam contra estupro em Brasília
01/06/2016 - Uma adolescente de 16 anos. 33 homens.

O caso do estupro coletivo, que chocou o Brasil na semana passada, parece estar longe de ser solucionado.
Nesta semana, após falar longamente com a imprensa, a delegada responsável pelo caso, Cristiana Bento, não deixou margens para dúvidas: houve estupro. O que é necessário, a partir de agora, é esclarecer a extensão do crime.
Nesta semana, as operações parecem estar concentradas na busca dos suspeitos de terem estuprado a jovem. O vídeo que circulou nas redes sociais na semana passada mostra um dos homens tocando as partes íntimas da vítima, que está desacordada, enquanto outros dois assistem a tudo.
Houve mesmo estupro?
Sim. O crime de estupro não é mais uma dúvida, mas sim um fato. De acordo com Cristiana Bento, titular da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV), é necessário agora determinar a extensão do crime.
O vídeo que circulou nas redes sociais mostra um dos homens tocando as partes íntimas da vítima, que está desacordada, enquanto outros dois assistem a tudo. A delegada explicou que esta prova, por si só, já caracteriza o estupro coletivo. Segundo Bento, os outros homens que aparecem nas imagens são considerados partícipes do crime.
Pela lei 12.015, de 2009, é considerado estupro "constranger alguém, mediante violência ou grave ameaça, a ter conjunção carnal ou a praticar ou permitir que com ele se pratique outro ato libidinoso".
A jovem já havia sido estuprada antes?
Sim. A adolescente, que hoje tem 16 anos, teve seu primeiro filho aos 13. Manter relações sexuais com uma menina de 13 anos é estupro, mesmo que a relação seja consentida. De acordo com a lei, a pouca idade é um critério objetivo "para se verificar a ausência de condições de anuir com o ato sexual". Dessa forma, todo o ato sexual envolvendo pessoas com menos de 14 anos configura estupro de vulnerável.
O estupro foi mesmo coletivo?
Sim. Não restam dúvidas de que o crime foi praticado coletivamente. No vídeo onde a jovem aparece desacordada, mais de um homem aparece praticando o crime. Não se sabe, no entanto, quantos exatamente estupraram a adolescente. Em entrevista ao SBT Brasil, a menina afirmou: "Quando eu acordei a luz estava acesa e um montão de gente em cima. Tipo assim, 33 homens. Eu contei". Um dos suspeitos do crime, Raí de Souza, refutou a versão da menina, e disse que "nem cabem 33 naquela casa". Ele se refere ao abatedouro, imóvel usado para sexo, onde ocorreu o estupro.
Nesta quarta-feira (1º), a Polícia Civil do Rio disse que vai realizar uma perícia no colchão que estava na cama do local. O número exato de abusadores, no entanto, pode não ser descoberto mesmo com o fim das investigações.
O laudo pericial comprovou o crime?
Não. O laudo da perícia sobre o caso diz que a demora em fazer o exame foi determinante para que não fossem encontrados indícios de violência. A adolescente foi examinada quatro dias após o crime. Isso, no entanto, não invalida provas importantes como o vídeo e o depoimento da vítima.
"Nos crimes sexuais, o exame de corpo de delito é importante, mas não determinante para o fato. No caso dessa menina, se ela estava descordada, não vai ter lesão porque ela não ofereceu resistência", explicou Bento.
Quantos suspeitos já foram presos?
Até esta quarta-feira (1º), três suspeitos já foram presos: Raphael Duarte Belo, que aparece no vídeo fazendo uma foto ao lado da jovem, que estava desacordada, Raí de Souza e Lucas Perdomo, apontado como namorado da vítima. Outros três suspeitos de cometerem o crime estão foragidos.
O advogado de Lucas sustenta que o jogador, naquela noite, teve relações com outra garota e que o amigo Raí de Souza ficou com a jovem que diz ter sido estuprada. A menina conta que foi ao morro encontrar Lucas, com quem teria ficado.
Em uma carta enviada para o Jacarepaguá Notícias, página do Facebook, Belo se defende, e conta que tentou ajudar a jovem. Ele afirma que as imagens foram "uma zoação", mas nega ter mantido relações sexuais com a vítima.
Já Souza, representado pelo advogado Alexandre Santana, disse que a vítima estava "superconsciente" no momento do abuso. Santana reafirmou que Raí teve relações sexuais com a jovem de maneira "consensual", horas antes da gravação da filmagem divulgada nas redes sociais.
É importante lembrar que, mesmo com as versões conflitantes dos suspeitos do crime, o estupro está provado por meio do vídeo, que circulou nas redes sociais após ser postado no Twitter, na semana passada.
Também são procurados Sérgio Luiz da Silva Júnior, conhecido como Da Russa (apontado como chefe do tráfico do Morro da Barão, na Praça Seca, onde ocorreu o crime); Marcelo Miranda da Cruz Correa e Michel Brasil da Silva.
Houve omissão do Estado no caso?
Pode-se dizer que sim. Segundo uma reportagem publicada pelo jornal fluminense Extra, o Estado estava ciente da situação de vulnerabilidade da adolescente desde 2013.
Na época, um relato enviado ao Disque Denúncia afirmava que a menina não estudava, não conseguia cuidar do bebê que acabara de dar à luz, agredia seus pais e em “bailes se relacionava com homens desconhecidos, se expondo a riscos”.
Ela chegou a ser internada em uma instituição para jovens usuários de drogas, em 2014. "Foram apenas dois dias com ela, mas muito marcantes", contou uma funcionária ao jornal.
Há envolvimento do tráfico no caso?
De acordo com a delegada que cuida do caso, sim. Em entrevista coletiva, ela afirmou: "Traficante estupra sim. E as meninas não falam, não revelam por medo do traficante. Isso para mim é balela", disse ela, sobre a tese de que os traficantes não admitiriam que tal caso acontecesse na comunidade.
"Eles entram nas residências, pegam as meninas e estupram", afirmou Bento. "Ele não admite que o outro faça, mas ele faz", finalizou, afirmando ainda que muitas meninas não denunciam os crimes por medo dos traficantes.
Na terça-feira (31), o secretário estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, Paulo Melo contou ao Extra que a menina recebeu ameaças de morte, tanto de traficantes do Morro do Barão, onde ocorreu o abuso, quanto de pessoas que vivem em outros estados.
No começo da semana, a adolescente e sua família foram incluídos no Programa de Proteção a Crianças e Adolescentes Ameaçados de Morte (PPCAAM). Eles devem mudar para outro estado e não está descartada a possibilidade que a menina ganhe uma nova identidade.
Em entrevista ao Fantástico, ela disse que deseja apenas recomeçar a vida.

SÃO JOÃO DE MARACANAÚ 2016 TERÁ SHOWS GRATUITOS DE WESLEY SAFADÃO

01/06/2016 - Wesley Safadão, Aviões do Forró, Bruno & Marrone, Bell Marques, César Menotti & Fabiano, Dorgival Dantas e Forró dos Amigos são as grandes atrações das seis noites de shows da edição 2016 do São João de Maracanaú, de 9 a 18 de junho.


Como o tema “O maior e melhor São João é Aqui”, o município a 28 km de Fortaleza chega a 12ª edição e terá ainda Festival de Quadrilha Junina, Cidade Cenográfica (com restaurante, tapiocaria, pizzaria, engenho, fazendinha, bodega, etc), Museu e Artesanato.

No Quadrilhódromo, cerca de 100 grupos juninos irão se apresentar, sempre a partir das 19 horas. Na Cidade Cenográfica, o espaço é aberto a partir das 18 horas com presentações culturais com casamento matuto, violeiros e repentistas, forró pé de serra, danças folclóricas, apresentações e intervenções teatrais e circenses, além de shows de humor.

PROGRAMAÇÃO DE SHOWS
A partir das 21 horas

09/06 – Wesley Safadão, Waldo e Felipe, Joab Farias e Avneh
10/06 – Cesar Menotti e Fabiano, Forró Real, Líbanos e Tropykalia
11/06 – Bruno e Marrone, Guto Ribeiro e Lagosta Bronzeada
16/06 – Aviões do Forró, Os Gonzagas, Pé de Ouro e Aduílio Mendes
17/06 – Forró dos Amigos, Dorgival Dantas, Conde do Forró e Toca do Vale
18/06 – Bell Marques, Solteirões do Forró e Luís Marcelo e Gabriel

PROGRAMAÇÃO DAS QUADRILHAS JUNINAS
A partir das 18 horas

09 a 18/06 – Mostra Infantil de Quadrilhas Juninas de Maracanaú
09 e 10/06 – XXX Festival Municipal de Quadrilhas Juninas
11 a 16/06 – Concurso Cearense de Quadrilhas Juninas de Maracanaú – Adulto e Infantil
15/06 e 16/06 – Apresentação das Quadrilha Juninas da Terceira Idade
17 e 18/06 – Concurso Nacional Brasil Junino

SERVIÇO: 
São João de Maracanaú
De 9 a 18 de junho
Entrada gratuita
Endereço: Cidade Junina localizada na Av. I do Jereissati, entre o IFCE e o Feira Center.

BANCOS TERÃO DE SUBSTITUIR NOTAS FALSAS SACADAS POR CLIENTES


01/06/2016 - A partir das próximas semanas, os bancos terão de substituir imediatamente notas falsas eventualmente sacadas nos caixas eletrônicos ou convencionais. O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou a obrigatoriedade para a troca de cédulas, desde que o cliente comprove a retirada na instituição financeira.

Até agora, os bancos costumavam substituir as cédulas, mas o prazo de troca dependia da relação da instituição com o cliente e não era regulamentado pelo governo. De acordo com Marcelo Cota, técnico do Banco Central (BC), a possibilidade de falsários que queiram aproveitar-se da brecha para trocar cédulas é reduzida porque os bancos têm meios para verificar se o cliente está cometendo fraudes.
A exigência vale apenas para notas sacadas nos caixas eletrônicos ou presenciais. No caso de notas falsas recebidas no comércio, o técnico do BC esclareceu que o cliente não tem direito ao ressarcimento e é obrigado, pela legislação, a levar a cédula a qualquer agência para que o banco retenha a nota e a envie ao Banco Central.

Custódia
O CMN também determinou que os bancos retenham as cédulas e moedas suspeitas de falsificação sob sua custódia. Embora as instituições costumem por a medida em prática, não havia a obrigação de que elas monitorassem a procedência das notas em suas tesourarias. Segundo Cota, a medida estimulará que haja mais ações preventivas por parte dos próprios bancos.
Nas próximas semanas, o Banco Central editará uma circular para estabelecer prazos máximos para que as instituições financeiras enviem à autoridade monetária informações sobre notas e moedas falsas. O prazo será de 30 dias nas capitais em que o BC tem representações e 45 dias nas demais localidades.

Informações
Atualmente não há previsão para que as instituições encaminhem as informações ao órgão. Em alguns casos, de acordo com o BC, os bancos levaram 180 dias para informar o recebimento de uma nota falsa.
Para Cota, as medidas vão permitir a diminuição da quantidade de notas falsas em circulação. O índice caiu de 150 notas a cada 1 milhão de cédulas, em 2006, para 75 notas neste ano. Nos Estados Unidos, o índice está em 50 notas em 1 milhão.

CEARÁ REGISTRA MAIS UM ÓBITO POR MICROCEFALIA E CHEGA A 110 CASSOS COMFIRMADO


01/06/2016 - Mais uma morte de criança com microcefalia foi registrado no Ceará. Segundo boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde (Sesa), foram notificados no Estado 31 óbitos, sendo 17 confirmados sugestivos de infecção congênita e 10 destes tiveram identificação do vírus zika em tecido fetal. De outubro de 2015 até 30 de maio de 2016, o Ceará contabiliza 110 casos de microcefalia.


Em 2016, o Ceará já recebeu 260 notificações de casos de microcefalia. Deste total, 61 foram confirmados, 90 descartados e 109 ainda estão em investigação. Já entre outubro e dezembro de 2015 foram notificados 230 casos, sendo 49 confirmados, 104 descartados e 77 ainda são investigados. 

De acordo com o boletim da Sesa, dentre os 49 casos de microcefalia confirmados em 2015, 5 tiveram a identificação do vírus zika. Já este ano, o vírus foi encontrado em 9 dos 61 confirmados. Em relação aos municípios do Ceará, 102 registraram notificações e em 47 houve casos confirmados. 

A capital cearense tem, desde outubro, 38 casos confirmados e investiga outros 43, sendo a cidade do Ceará com maior número de ocorrências. Em relação aos óbitos, Fortaleza registra 6 óbitos comprovados e 5 são investigados. 

MINISTRO SINALIZA QUE ATÉ O FINAL DO ANO ESTARÁ EM FUCIONAMENTO A MINA DE ITATAIA


01/06/2016 - O deputado Danilo Forte (PSB-CE) se reuniu nesta terça-feira, 31, com o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, de quem recebeu a sinalização de que até o final do ano, a “mina de Itataia” deverá estar em funcionamento. No encontro também estava presente a nova presidente do IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente), Suely Araújo. 

Ponto central da audiência entre o parlamentar e o ministro, a mina de Itataia é o nome popular do complexo mineral e industrial que funcionará na região conhecida como Itataia localizada entre os municípios de Itatira e Santa Quitéria. A área é a maior do Brasil em minérios como urânio, fosfato e mármore. A mina será explorada pelo consórcio formado entre a estatal INB e a empresa Galvani.
Com um investimento inicial de aproximadamente R$ 850 milhões o empreendimento batizado de “Projeto Santa Quitéria” promete gerar 800 empregos diretos e mais de 2,2 mil indiretos. A perspectiva na produção só com a extração de fosfato é gerar uma receita anual de U$ 6 bilhões (R$ 21,6 bilhões) que segundo o deputado será uma “enorme contribuição” para manter positivo o saldo da balança comercial. 
Por fim, o socialista destacou a declaração do ministro Sarney Filho de que cabe a autoridade ambiental não só o papel da defesa da sustentabilidade e da preservação do meio ambiente, mas também de ser “um agente indutor do desenvolvimento”. “Essa audiência de hoje é um marco para o avanço do desenvolvimento econômico do nosso Estado e que ajudará o País em nossa balança comercial”, disse o parlamentar.
Postagens mais antigas → Página inicial