Menu Paginas

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Homicídios caem pelo segundo mês seguido

Image-0-Artigo-1825858-1
Pelo segundo mês consecutivo, o Ceará reduziu o número de mortes violentas. A quantidade de vítimas de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), que englobam homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, reduziu
aproximadamente 30% a quantidade de vítimas no mês de março deste ano, em relação ao ano passado. Os números, ainda preliminares, foram informados ontem pelo governador Camilo Santana, após reunião com responsáveis pelas Áreas Integradas de Segurança (AIS), na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).
Os dados informados por Camilo contabilizam os crimes em que houve morte até o dia 29 de março. Até a data citada, foram 297 vítimas registradas. Em igual período do ano passado, o número foi de 433 mortes. Desta forma, a redução foi de 31,4% no número de CVLIs.
Em fevereiro deste ano, foram registradas 334 vítimas de crimes violentos. No mês de janeiro, foram 433 pessoas mortas. Ao todo, o ano de 2015 soma 1.064 mortes. Nos três primeiros meses de 2014, foram registrados 1.254 vítimas. A redução, contabilizados os números ainda não consolidados, está em cerca de 15% no primeiro trimestre do ano, superior à meta estabelecida pela SSPDS, que é de 6%.
Projeção
A Pasta apresentou a projeção para o fim do mês, indicando 317 mortes no mês de março de 2015. Ao todo, o terceiro mês de 2014 somou 469 vítimas. A previsão da SSPDS é que a redução atinja 32,4% de mortes. A meta estipulada para o mês havia sido de 441 vítimas no máximo.
Conforme Camilo, chamou a atenção principalmente a redução apresentada em Fortaleza e na Região Metropolitana. A Capital, de acordo com o governador, teria redução estipulada "entre 37% e 40%". Já a Região Metropolitana de Fortaleza, teria derrubado pela metade a quantidade de mortes. Não foram informados os números.
O governador comemorou a queda dos índices e explicitou o desejo de manter o ritmo de reduções. "Tenho participado todo mês da reunião sobre o programa Em defesa da vida, que vem buscando reduzir os índices de homicídios no Ceará. Conseguimos, com esse trabalho da Polícia Militar, Polícia Civil, Perícia Forense, Corpo de Bombeiros, uma redução significativa em fevereiro, e agora em março, claro que ainda não consolidado, mas deverá ultrapassar 30% a redução do Estado", disse.
A Secretaria informou dados ainda não consolidados também de apreensões de armas e drogas. Conforme o relatório preliminar, 574 armas foram apreendidas em todo o Estado. Também foram tirados de circulação mais de 700 quilos de entorpecentes, entre maconha, cocaína e crack.
Programas 
Na ocasião, o governador antecipou que trabalha na elaboração de atuações conjuntas entre diversas frentes para combater a criminalidade, como a base fixa da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) no interior, a reorganização do Ronda do Quarteirão e ampliação do BPRaio. Sobre o Ronda do Quarteirão, Camilo também enfatizou o desejo de efetuar ajustes em alguns pontos. "Tenho como compromisso de campanha reorganizar o programa do Ronda do Quarteirão. Já tivemos várias reuniões, estamos discutindo, pois vai desde a questão da escala até a forma de trabalhar as Áreas", informou.
O governador citou ainda que aguarda a integração de mais agentes para os próximos dias. "A nova turma da PM que vai ser formada em 14 de abril, quase mil profissionais vão ingressar no sistema. Ainda, mais de 750 homens da Polícia Civil aprovados no último concurso e 250 agentes da Pefoce".
Após a reunião com os representantes das AIS, Camilo Santana participou do encontro dos Conselhos Comunitários de Defesa Social. Na ocasião, Camilo lamentou a morte do adolescente Diego Tertuliano, de 16 anos, morto ao tentar defender a mãe de um assalto. Em seguida, prometeu mais ações de combate ao crime no Estado.
                                                                                                                    FONTE :Diário Do Nordeste
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário