Menu Paginas

sábado, 24 de janeiro de 2015

Secretário de segurança anuncia novo sistema de denúncia de crimes e deve reformular o Ronda

 Secretário de segurança anuncia novo sistema de denúncia de crimes e deve reformular o Ronda                                                              


23/01/2015 - Em entrevista ao Tribuna Bandnews FM, do Sistema Jangadeiro de Comunicação, o novo secretário de segurança pública do Ceará, Delci Teixeira, analisou o cenário social do estado, falou sobre corte de gastos e a relação com Capitão Wagner, assumiu o que não funcionou na gestão passada e apresentou um novo sistema de registro de ocorrências, que será implantado em Fortaleza, afim de facilitar e dar agilidade aos processos. A entrevista aconteceu na manhã desta sexta-feira (23), com o jornalista Nonato Albuquerque.

Segundo o secretário, o perfil comunitário de polícia da “boa vizinhança” do Ronda do Quarteirão, que se perdeu ao longo da gestão passada, deve voltar. Ele conta que alguns gastos realizados foram mal aplicados, como é o caso dos patinetes usados por policiais, que foram caros e com baterias não duradouras. “Foi um recurso mal empregado. Não adianta ficar com um equipamento que a manutenção custa caro”.
Delci conta que ainda está em processo de estudo, conhecendo melhor os problemas e as necessidades do Ceará. Ele acredita que há três formas de se combater a violência e as drogas: prevenção, repressão e recuperação. “A repressão é o mais fácil de se fazer. É o trabalho da polícia. A prevenção é um trabalho que deve ser feito com os jovens, para que ele não se envolva nisso. A recuperação é com a área médica e o mais difícil de se enfrentar”, afirma.
Em fase final de teste e dependente da agenda do governador Camilo Santana, um novo sistema de registo de ocorrência será implantado neste ano. Totens eletrônicos serão espalhados pelas cidades e as pessoas poderão fazer seu boletim de ocorrência sem precisar se deslocar até as delegacias. “A pessoa tem seu celular roubado, não vai esperar uma hora, duas horas pra ser atendido na delegacia. Poderá fazer, por exemplo, em um terminal de ônibus”, explica.
O secretário também afirma ser aberto ao diálogo e conta que o deputado estadual Capitão Wagner é importante para a nova gestão. “O Capitão Wagner conhece a estrutura e os problemas da segurança pública do Estado e ele foi eleito deputado estadual daqui, teve uma votação expressiva, então ele teve a confiança de uma parcela considerável da cidade. É uma pessoa que conversa com as bases. Se eu ouço o Capitão Wagner, ele pode me trazer esses conhecimentos. Ele vai me trazer sugestões. Não vou ter problema nenhum”.
Delci também comenta sobre o corte de gastos que a Secretaria deve sofrer. Para ele, a redução do percentual não deve ser um grande problema. “Ninguém gosta de cortes, mas é possível sim fazer um trabalho eficiente. É só aplicar bem os recursos. O secretário afirma que o problema da falta de segurança do Estado tem jeito e que tem esperança e expectativa que tudo seja solucionado. “Temos a tropa, temos recursos e temos tudo para fazer dar certo”, finaliza.

Tribuna do Ceará
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário